Turbinando a placa de vídeo – Problemas

imageSenhores,

Muitos posts saltam na internet na busca de métodos para uma placa de vídeo com suporte a RealView. Se Marcelo D2 busca a batida perfeita, os usuários de SolidWorks buscam a placa de vídeo perfeita. Quero compartilhar com vocês o que li na internet sobre o assunto e o que conheço sobre os métodos.

Eu interrompi as matérias sobre o #SWW11 pois mais de uma pessoa já interrompeu as minhas horas de folga pra conversar sobre isso e querer saber a minha opinião. Detalhe, queria que fossem poucas pessoas mas não foram.


RealView

O RealView é um dos métodos de renderização e apresentação de produtos com o SolidWorks em tempo real. Não é necessário ser um Expert em Solidworks para um produto com acabamento interessante.

Eu fiz um post falando exclusivamente da ferramenta RealView

http://www.kastner.com.br/2009/10/realview-vale-pena-conferir.html

Com as novidades do SolidWorks 2011, muitas coisas surgiram para incentivar mais ainda as ferramentas de renderização

http://www.kastner.com.br/2010/09/display-manager-photoview-360-parte-1.html

Com os posts acima e os links que eles possuem, os usuários poderão compreender toda a história do realview e do photoview 360 nos últimos anos. Cobrir tudo com o blog nos permite realizar uma perspectiva interessante.

Ambição

Com o realview aparecendo cada vez mais, os usuários passaram a ambicioná-lo como ferramenta importantíssima para a aplicação do SolidWorks e eu realmente considero importante mesmo. O problema é que eles deixaram de racionalizar as implicações e os problemas que isso poderia trazer ao seu computador e os malefícios junto ao SolidWorks.

Promessas

Existem ferramentas no mercado que prometem transformar a sua placa de vídeo Geforce em uma placa de vídeo Quadro ou sua placa Radeom em uma FireGL.

Quero explicar rapidamente os dois métodos que circulam pela internet explicando a transformação

Método 1 – Rivatuner

Ele foi o primeiro método que surgiu a muitos anos no mercado. Ele tinha por objetivo realizar uma mudança no chip das placas de vídeo. Existem pessoas que defendem a ideia que as placas de vídeo Geforce e Quadro possuem chips similares mas com programação diferente.

Realmente faz sentido mas com essa aplicação, as funções que fazem um chip se assemelhar a uma placa de vídeo Quadro ficam habilitadas. Depois de instalar esse aplicativo e realizar as alterações necessárias na aplicação, o programa passa a reconhecer a placa de vídeo como se fosse uma Quadro, ou seja, uma placa de vídeo homologada para SolidWorks.

Eu já fiz isso em computadores da SKA, ninguém sabia que eu tinha feito e espero que os meus coordenadores não leiam isso. Na época a SKA não possuía máquinas com placas de vídeo homologadas para SolidWorks nas salas de treinamento. Sei que placas de vídeo Geforce FX 5200 funcionaram como placas similares a Quadro FX 580. Mas tive situações em que um Laptop Dell Latitude não suportou a brincadeira de forma muito interessante.

Falarei mais sobre isso ainda… Garanto

Método 2 – RealHack 1.5

Pelo que vi esse software é mais simples mas não sei muito bem as suas implicações pois não tenho mais nenhuma placa de vídeo Geforce para testar. Casta instalar o aplicativo, executá-lo, e selecionar a opção para o Hack de placas ATI ou Geforce.

Pelo que entendi, ele não muda a placa de vídeo mas habilita o RealView modificando os registros da instalação do SolidWorks. Com isso, o ícone para a utilização da ferramenta de renderização em tempo real ficará habilitada. Simples, né? Vamos refletir mais sobre o assunto

Estruturas das placas de vídeo

Eu citei para vocês o meu caso de sucesso com a Geforce FX 5200, né? Pois vamos comparar ela com uma placa de vídeo Quadro simplesmente na estética. Abaixo segue a imagem de uma Geforce FX 5200.

image

Abaixo segue uma imagem da Quadro FX 580

image

Diferente, né? O sistema de refrigeração é muito mais desenvolvimento, O Hardware é mais robusto. Pode até ser o mesmo processador mas como ele tem uma velocidade de processamento maior vai gerar mais calor, gerando mais calor, tem que dissipar mais. Placas de vídeo Quadro ou similares quando começam a ficar mais velhas, começam a ter problemas de arrefecimento e por consequência causam problemas aos softwares de CAD e ao sistema operacional. Modificar o comportamento de uma placa de vídeo causa problemas similares, garanto.

Uma parábola

A maioria de vocês não sabem mas eu tive outros trabalhos antes de entrar na SKA. Em um deles eu trabalhava com projetos de instalações de sistemas de ar condicionado. Em ambientes grandes a potência de um ar condicionado a ser instalada é maior que em um ambiente menor… As vezes um ar condicionado menor aguente o ambiente, deixando ele levemente refrigerado mas acabam existindo mais problemas como:

  • Maior consumo de eletricidade pois o compressor de ar não para de trabalhar
  • Uma vez que o compressor trabalha de forma contínua ele acabam necessitando manutenção mais cedo
  • Com uma temperatura mais elevada, o condicionador não refrigera o suficiente

O que sempre chamava a atenção dos clientes é que um condicionador de ar com uma potência adequada era mais caro que o desejado por eles com uma potência mais baixa. O pior, eles falando comigo insistiam que o amigo deles sabia que eu estava mentindo… Bem, existem estudos, sistemas de cálculo sobre o assunto que poderão ser encontrados na internet.

A mesma situação se aplica a uma placa de vídeo, ninguém quer prejudicar um usuário querendo extorquir dinheiro vendendo uma placa de vídeo mais cara. Existem setores na SolidWorks especializados e dedicados a análises de Hardware para o sistema CAD. Já escrevi sobre o assunto aqui no blog relatando problemas relacionados a hardware.

http://www.kastner.com.br/2010/06/panes-no-solidworks-parte-3-hardware.html

Realidade

Trabalho com sistemas CAD há mais de seis anos na SKA. Quando indicávamos placas de vídeo Quadro há alguns anos os clientes ficavam chateados pois era complicado encontrar no mercado este Hardware. Eu posso falar sem vergonha nenhuma que a SKA está comercializando as placas de vídeo.

A compra é simples mesmo. É no site, on-line e pode ser feita por cartão de crédito. Não me digam que o preço é caro pois são placas de vídeo bem desenvolvidas para o CAD. Os valores da SKA são bem parecidos aos aplicados no mercado (imagem retirada do site da empresa dia 10/02/11).

image

Segue o link do local onde a imagem foi retirada

http://www.ska.com.br/produtos/index/13/placa_de_video

Qualquer revenda Cad que pensa em revender placas de vídeo não pensa em ficar rica com isso. Apenas quer fornecer uma ajuda a seu cliente para que ele utilize uma solução mais eficiente em seu computador. Muitos vão comentar que existem meios de comprar uma placa gráfica mais em conta mas a tirinha que retirei do site do Dr. Pepper explica os preços aplicados no Brasil para componentes eletrônicos.

image

Acreditem, investir em uma placa de vídeo é o ideal. Não inventem pois a SolidWorks não está com vontade de obrigar por motivos fúteis a vocês usarem uma placa de vídeo homologada.

Me coloco a disposição de todos. Não quero deixar ninguém desmotivado mas essa é a realidade do mundo.

Sds,
Kastner