Toolbox – Cadastrando descrição de componentes – Parte 2

Senhores,

Com a definição dos campos a serem cadastrados no SolidWorks Toolbox conforme definido no post anterior do blog.


Normas

A primeira parte deste post eu defino as opções avançadas dos componentes que farão parte do Toolbox do SolidWorks.

  • Seleção de Normas de componentes e assistente de perfuração
  • Seleção de alguns componentes específicos de normas que não serão utilizadas inteiramente.

Observar que o assistente de perfuração é baseado nas normas selecionadas no Toolbox. Caso eu não selecionar uma norma ou os assistentes de perfuração, eles não estarão disponíveis para inserção nos recursos de peças e montagens

Adição de campos de listas de materiais

Conforme discutido no post anterior, os campos que serão adicionados no toolbox dependem de como a lista de materiais funciona.

Toda a discução de como adicionar os campos e detalhes disso, pode ser avariguado em posts sobre o toolbox já exitentes aqui no blog. Segue a lista das propriedades que serão adicionadas

  • Material (Vinculado ao material do SolidWorks)
  • Peso (Vinculado ao peso do SolidWorks) – Cuidar a unidade dele, lembro que já fiz um post especificando como regularizar a unidade do mesmo.
  • Denominação
  • Dimensões

Se alguem necessitar a adição do campo definido como “Descrição”, cuidados serão relatados em um post amanhã.

Averiguação dos parafusos

Com os campos já definidos, basta averiguar como os componentes se comportam na tabela de seleção do configurador de componentes de toolbox.

Lembro que é recomendável apurar a definição dos tipos de rosca para evitar que componetes detalhados em excesso sejam inseridos nos conjuntos. Lembro que softwares de representação de plantas primam pela simplificação dos modelos para que eles sirvam para representação dos itens e o mesmo princípio se aplica ao SolidWorks nos seus componentes de fixação.

Exportação para o Excel

O Processo de preenchimento de campos para listas de mateiriais envolvem alguns conhecimentos de excel. Acompanhe o raciocínio abaixo no preenchimento das propriedades

  • Denominação – Possui o nome da peça que é único para todos os tamanhos pois existem campos mais específicos como material e dimensões. Em algumas empresas em que atuo, não existe uma propriedade específica para dimensões ecom isso tudo fica agrupado com as dimensões.
  • Dimensões – Se trata de uma combinação dos campos dos componentes. Para os parafusos, foram planejados os seguintes itens:
    • Inserção dos diâmetros e comprimentos de haste do parafuso
    • Indicação de um texto representando a unidade de medida do parafuso.
    • Definição do tipo de rosca por uma condicional de Excel. Caso seja a rosca com mesmo comprimento da haste do parafuso, contaremos com o texto RT. Caso, contrário será representada a rosca parcial com o texto RP.

Importação no Excel

O Excel serviu e preencheu todas as informações necessárias para os componentes em suas listas de materiais. Basta importá-las e averiguar o resultado no configurador do Toolbox

Conclusão

Cada tipo de componente como parafuso, porca, arruela ou rolamento tem de ser exportado para o excel e ter os seus dados preenchidos.

Sds,
Kastner