Dimensões de configurações em montagens – SolidWorks 2012

imageSenhores,

Tem coisa que para o usuário comum parece não existir importância no SolidWorks ou é algo muito pontual.

Uma novidade da versão 2012 é utilizar uma dimensão que é trabalhada em múltiplas configurações e controlá-la diretamente em desenhos ou montagens. Parece pequeno, né? Apenas parece…

Nesse post quero mostrar um exemplo de simulação integrado a esta novidade


Estudo a ser considerado

Neste estudo, serão consideradas algumas informações para a simulação

image

Carga estática simulando a roda em uma estrada esburacada

  • Força Frontal: 900N
  • Força Lateral: 115N

Alguns itens serão considerados no estudo

  • Uma mola com conector para simplificar a malha com rigidez axial de 105.000 n/m
  • Alguns controles de malhas de 0.76mm em regiões críticas

A questão chave é

Qual é a melhor espessura para este componente em que eu possa fabricar a peça onde o amortecedor estará conectado? Desejo avaliar de 1,5mm até 8mm considerando aumento progressivos de 0.5mm.

Muito do que vou mostrar o SolidWorks faz há muitos anos mas a grande novidade é somente a possibilidade de variar no arquivo de montagem a dimensão que está controlada por configurações, ok?

Preparação dos modelos

A primeira coisa é criar uma versão de simulação para o amortecedor, peça de conexão do amortecedor e da montagem geral.

Isso mostra o quanto configurações em modelos salvam o seu trabalho com o SolidWorks. Existirão duas configurações para a peça que é o Braço inferior e ela alterará a espessura da peça no ambiente de simulação

Definição do estudo do simulation

Aqui é Simulation normal onde o estudo é criado, restrições são definidas e a malha controlada… Nada fora do normal mas segue o vídeo pra quem desejar ver.

Controle da espessura

Aqui vem o grande truque para o ambiente de simulação. A dimensão que antes era de configuração não poderia ser variada… Isso mudou com a 2012.

Deve-se executar o seguinte procedimento para o ambiente de simulação funcionar corretamente no estudo da análise de tensão

  • Capturar a dimensão de espessura
  • Criar um estudo de projeto
  • Definir que o estudo se baseará no parâmetro espessura
  • Espessura mínima 1,5mm e máxima 8mm com variação de 0,5mm entre etapas
  • Resultados a serem analisados serão os de tensão e deslocamento

Execução

Com todo o ambiente configurado, basta executar todo o modelo e analisar os resultados.

O mais importante é analisar as dimensões que estão variando e a tensão máxima do componente que está em análise.

Um dos pontos altos deste último vídeo é quando deixo de estudar os resultados numericamente e solicito um gráfico listando a variação de tensão de acordo com a espessura.

Em um determinado momento, a tensão deixa de baixar significantemente mesmo com o aumento da espessura dos componentes.

A novidade do SolidWorks 2012

A novidade da 2012 é criar uma variação da peça original e modificando uma dimensão em uma segunda configuração. O importante é que a minha proposta original permanecerá intacta e nada será influenciado.

Caso eu mude o meu projeto original, o meu estudo está baseado em uma configuração do projeto da minha empresa e isso fará que os meus estudos sejam atualizados de forma significativamente mais simples.

Esse é o verdadeiro pulo do gato desta novidade em controlar diretamente no ambiente de montagem dimensões que estão sob comando de configurações de peças. Coisa que não era possível nas versões anteriores do SolidWorks.

Sds,
Kastner