Certificações de SolidWorks – Parte 2 – CSWP

Senhores,

Quem nunca parou para imaginar e dizer

Eu sou um profissional certificado pela SolidWorks

Escutar isso saindo das nossas próprias bocas dá quase um poder extra, algo impactante, mas no post anterior eu mencionava que existiriam tipos de certificações e diferentes produtos… Chegou a hora de discutirmos o assunto.

CSWP – Onde tudo começou – O nascimento

A primeira certificação lançada pela SolidWorks foi a CSWP

Certified SolidWorks Professional

Ela marca o nascimento de uma relação de amor entre os usuários e a própria desenvolvedora do sistema CAD. Onde os usuários passavam a serem reconhecidos, escutados e eles poderiam dizer ao mundo que a SolidWorks atestava o conhecimento.

Como funcionava

No princípio, a certificação funcionava com os clientes se dirigindo aos eventos da SolidWorks ou se dirigindo a uma empresa parceira. Depois, a prova consistia em duas etapas:

  1. Execução de uma prova com opções optativas
  2. Depois a construção de um modelo a partir de um desenho dado pelos avaliadores.
  3. No final os desenhos eram submetidos a um sistema de avaliação, que executava uma série de testes nos arquivos de forma sistêmica e automática

Bem, essa era a rotina quando conheci em 2006, talvez quando o processo começou fosse um processo diferente.

Nos dias atuais

Se a minha memória não estiver falhando, posso contar que o processo de certificações atual começou em 2009. Me sinto um idoso relembrando as histórias, mas vamos assim mesmo que eu estou gostando.

O processo funciona com os usuários passando pelas seguintes etapas:

  • O usuário estuda os tópicos
  • Compra a prova ou usa um ticket gratuíto
  • Executa a prova
  • Ganha um certificado

A prova é baseada em um programa que é baixado e executado, depois ele dirá as peças que precisam ser executadas, e solicita informações dos arquivos.

O que é avaliado

Basicamente um bom usuário de SolidWorks precisa realizar as seguintes tarefas

  • Criar peças
  • Editar uma peça existente
  • Saber trabalhar com configurações
  • Criar montagens e saber extrair informações das mesmas.

Acreditem, geralmente o pessoal não tem a habilidade de editar uma peça existente e criada por outra pessoa, por isso falham nas certificações. Em montagens, muitos não sabem como avaliar a posição do centro de massa dos conjuntos… Também uma falha, né?

Acreditem, em um mundo empresarial, a certificação se aplica a medica que todos precisam saber editar uma peça de colegas de trabalho. E boa parte dos problemas de desempenho ou reconstrução de arquivos se dão por dificuldades na utilização de itens criados por terceiros.

Site da SolidWorks

No site oficial, poderemos encontrar as seguintes informações sobre a CSWP. Basicamente vocês encontrarão os itens a serem estudados, os comandos utilizados e outros detalhes.

Link extraído do site da SolidWorks

Link direto do site da SolidWorks

Prova dividida

Como diria o Jack estripador:

Vamos por partes

Quando a prova CSWP foi modificada em 2009, ela passou a ser dividia em 3 componentes e, apenas passando em todas, a certificação ocorre ao concluir as três etapas:

  1. Criação de peças
  2. Trabalho com configurações
  3. Criação de montagens

Uma recomendação seria dividirmos os estudos em partes e estudarmos os tópicos.

Benefícios

Basicamente, a conclusão dará acesso aos usuários um certificado de conclusão das provas, conforme a imagem de exemplo abaixo:

Também falarei nas próximas semanas de outros benefícios de usuários certificados.

Sds,
Guilherme Kastner