Tecla Windows – Sendo produtivo

Senhores,

Há uns 8 anos eu fiz um post sobre o funcionamento da tecla Windows. Mesmo para quem usa qualquer CAD, é importante conhecer os principais recursos do sistema operacional.

História

As teclas de atalho vem caindo em desuso, quanto mais com a chegada de novos sistemas operacionais em dispositivos mobiles. Em certas situações tento me superar e não parecer meus avós com uma frase do tipo:

Já sei coisa demais, não vou me preocupar com isso

Eu me lembro que, com a chegada do Windows 95, os computadores passaram a contar com a tecla destinada ao menu iniciar, a tecla Windows. Possivelmente muitos leitores daqui já nasceram após essa época e não se lembram como eram os teclados mais antigos. Porém ela inicialmente era conhecida por apenas uma atribuição

Abrir e fechar o menu iniciar

Teclas populares

Com o avanço da internet,  os truques mais práticos começaram a se popularizar e os principais chegam ao grande público

  • Windows + TAB – Para trocar o programa ativo
  • Windows + D – Para acessar rapidamente a área de trabalho
  • Windows + L – Para bloquear o computador rapidamente e impedir os colegas bisbilhoteiros de fazerem “artes” em nossos PC’s.

Mas isso é só a ponta do iceberg

Chegada do Windows 10

Com a chegada dos Windows 8 e 10, mais atalhos surgem, dando uma cara totalmente nova a prática de atalhos da tecla já existente.

Para ajudar, eu coloco a tabela com os principais comandos abaixo.

Tecla do logotipo do Windows  Abrir ou fechar Iniciar
Tecla do logotipo do Windows  + A Abrir a Central de ações
Tecla do logotipo do Windows  + B Definir o foco na área de notificação
Tecla do logotipo do Windows  + D Exibir e ocultar a área de trabalho
Tecla do logotipo do Windows  + Alt + D Exibir e ocultar data e hora na área de trabalho
Tecla do logotipo do Windows  + E Abrir o Explorador de Arquivos
Tecla do logotipo do Windows  + I Abrir as Configurações
Tecla do logotipo do Windows  + L Bloquear seu computador ou mudar de conta
Tecla do logotipo do Windows  + M Minimizar todas as janelas
Tecla do logotipo do Windows  + P Escolher um modo de exibição da apresentação
Tecla do logotipo do Windows  + R Abrir a caixa de diálogo Executar
Tecla do logotipo do Windows  + S Abrir a pesquisa
Tecla do logotipo do Windows  + Shift + M Restaurar janelas minimizadas na área de trabalho
Tecla do logotipo do Windows  + número Abrir a área de trabalho e iniciar o aplicativo fixado na barra de tarefas, na posição indicada pelo número. Se o aplicativo já estiver em execução, mudar para esse aplicativo.
Tecla do logotipo do Windows  + Shift + número Abrir a área de trabalho e iniciar uma nova instância do aplicativo fixado na barra de tarefas, na posição indicada pelo número
Tecla do logotipo do Windows  + seta para cima Maximizar a janela
Tecla do logotipo do Windows  + seta para baixo Remover o aplicativo atual da tela ou minimizar a janela da área de trabalho
Tecla do logotipo do Windows  + seta para a esquerda Maximizar a janela do aplicativo ou da área de trabalho, no lado esquerdo da tela
Tecla do logotipo do Windows  + seta para a direita Maximizar a janela do aplicativo ou da área de trabalho, no lado direito da tela
Tecla do logotipo do Windows  + Shift + Seta para cima Alongar a janela da área de trabalho até as partes superior e inferior da tela
Tecla do logotipo do Windows  + Shift + Seta para baixo Restaurar/minimizar janelas ativas da área de trabalho verticalmente, mantendo a largura
Tecla do logotipo do Windows  + Shift + Seta para a esquerda ou seta para a direita Mover um aplicativo ou uma janela na área de trabalho, de um monitor para outro

Link completo para acesso aos atalhos

As principais novidades

Os principais comandos novos são divididos, na minha opinião em duas categorias

Gerenciamento e notificações

  • Windows + A –> Abertura da central de notificações e ajustes rápidos do Windows

Onde um painel semelhante a tela de bloqueio dos celulares é aberta

Gerenciamento de múltiplas janelas

  • Windows + Setas direcionais –> Gerenciamento dos programas abertos e alocação rápidas dos mesmos.

Com isso, rapidamente pode-se colocar lado a lado dois programas como o SolidWorks e o explorador de arquivos. E uma barra de ajustes entre os dois surgirá, permitindo arrastar e soltar a separação entre ambos.

Conclusão

O post era bom há muitos anos, quando fiz a primeira versão, porém os sistemas operacionais mudaram a ponto de necessitar de um novo post.

Compartilhem em suas redes esse post, afinal ele servirá a qualquer amigo ou conhecido que usa o Windows.

Sds,
Guilherme Kastner